Colíder - Quarta-Feira, 21 Out 2020
(66) 9.9680-3949
Colíder News
Machado Vicentinos O Seu Portal de Notícias
Hora Certa
Banner Whatsapp O Seu Portal de Notícias

Jovem muda de cidade após rixa com o CV, mas acaba morto baleado em casa

O amigo sentou com o trio e logo em seguida foi embora. Não demorou muito, os motoqueiros passaram atirando e matando Jean.

07 Out 2020 às 09:20
Yuri Ramires l GD

Jovem de 19 anos foi morto a tiros e outras duas pessoas, sendo um rapaz de 24 e um menor, acabaram feridos, na noite de terça-feira (6), em uma rua da cidade de Tapurah (433 km ao Médio-Norte de Cuiabá). Dois homens em uma moto foram os responsáveis pelo crime e estão sendo procurados. A motivação seria uma foto postada em rede social onde dois deles diziam ser membros do Comando Vermelho.  

 

De acordo com as informações, o trio estava sentado na calçada de casa, no bairro São Cristóvão, quando por volta das 21h57, dois homens em uma motocicleta preta se aproximaram, o garupa sacou uma arma e começou a atirar na direção deles.

 

Leia também - Briga entre funcionários da Marfrig acaba em esfaqueamento e prisão

 

Um dos jovens conseguiu correr e se escondeu dentro de um terreno com escoriações. Ele contou que só escutou o momento em que a esposa de uma das vítimas gritou pedindo socorro e logo ouviu a moto deixando o local. Ele afirma que não sabe o motivo do crime.

 

Uma das vítimas, identificada como Jean de Oliveira Silva, 19, foi socorrido e encaminhado para o hospital, mas não resistiu aos ferimentos e acabou morrendo. Já o menor foi encaminhado para o Hospital Regional de Sorriso, devido à gravidade do ferimento.

 

Foto do CV

Segundo a esposa de Jean, eles estavam morando há 4 meses em Tapurah já que precisaram ‘fugir’ da cidade que moravam após ele ter postado uma foto na rede social, junto com a outra vítima que teve escoriações, onde diziam ser membros do Comando Vermelho.

 

Depois disso, integrantes da facção passaram a persegui-los, fazendo com que eles deixassem a cidade. No dia do crime, um amigo deles, teria pedido para que o grupo sentasse do lado de fora da casa, onde eles nunca sentavam – ela dizia que o grupo se reuniu no quintal.

 

O amigo sentou com o trio e logo em seguida foi embora. Não demorou muito, os motoqueiros passaram atirando e matando Jean. Ela acredita que o amigo armou uma armadilha. O caso está sendo investigado pela Polícia Civil.

Previsão do Tempo - Colíder

°

Máxima: °
Mínima: °

Publicidades

Direitos Reservados |